GPS Brasília comscore

Zona Franca de Manaus chega a Brasília nesta terça. Entenda

FesPim será aberta às 17h, com coquetel no Centro de Convenções Ulysses Guimarães
fespim-patro
FesPIM | Foto: Divulgação

Compartilhe:

Já imaginou visitar a Zona Franca de Manaus sem precisar pegar um avião para o Norte do País? Pois é, a chance é agora. A segunda edição da Feira de Sustentabilidade do Polo Industrial de Manaus (FesPIM) será aberta a partir das 17h desta terça-feira (7). A exposição, com os principais nomes que produzem na região, segue até o dia 9 de novembro, no Centro de Convenções Ulysses Guimarães, em Brasília.

Com a presença esperada de várias autoridades, como o vice-presidente Geraldo Alckmin (PSB), que também comanda o Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços, e o governador Ibaneis Rocha (MDB), o evento promete demonstrar como a região consegue aliar o crescimento econômico e o desenvolvimento sustentável, preservando a Floresta Amazônica a partir de inúmeras iniciativas. 

Promovida pela Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa) e pelo Instituto de Inteligência Socioambiental Estratégica da Amazônia (Piatam), a mostra também tem como missão revelar ao País que tudo o que é produzido pela Zona Franca de Manaus (ZFM) movimenta a economia da Amazônia Ocidental e Amapá e promove a sustentabilidade, reverberando economicamente para todo o Brasil.

Segundo Bosco Saraiva, superintendente da Suframa, serão apresentadas ao Brasil as boas e reais notícias do modelo ZFM, em seus 56 anos de existência, bem como a importância da Superintendência para os estados da Região Norte do País, Amazonas, Rondônia, Roraima, Acre e Amapá.

“Em 2024, a feira será estendida para outros estados do País, para reforçar aos brasileiros, os ganhos advindos do Polo Industrial de Manaus”, salientou Saraiva.

Sem ônus
A Fespim 2023 será realizada com recursos oriundos do setor empresarial, com vários patrocinadores. No apoio desta edição da fesPIM com investimentos e conhecimento de causa, nove patrocinadores trazem suas expertises e apoia à feira Coca-Cola, Samsung, Sidia Impact Innovation, UCB, Universidade do Estado do Amazonas (UEA), Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas, Centro de Biotecnologia da Amazônia , Honda e TecToy. 

“O Instituto Piatam opera na realização por meio de cooperação técnica. Isso não envolve repasse de recursos federais. Por meio desse exemplo, queremos mostrar que o setor privado pode alavancar uma série de ações sem depender dos recursos públicos, que mostrem o que fazem aqui. Neste momento que se discute a reforma tributária, é vital que todos conheçam a relevância do PIM”, afirmou Alexandre Rivas, presidente do Instituto Piatam.

Durante os três dias de evento, o público conhecerá um pouco mais das atividades e práticas ambientais aplicadas no PIM. As exposições e palestras destacarão a importância do projeto ZFM para o País com foco no desenvolvimento econômico aliado à utilização de recursos naturais de maneira correta. Os estandes serão confeccionados com itens produzidos na ZFM como embalagens, compensados, papelão. “Esses materiais foram reaproveitados. A mão de obra local será a executora dos stands. Desta forma, a feira irá gerar renda para a população daqui do Estado”, esclareceu o arquiteto e autor do projeto da FesPIM, Sérgio Santos.

A FesPIM 2023 é gratuita e o credenciamento pode ser feito online, bastando seguir estas as seguintes etapas: acesse o site oficial neste link, clique no banner de formulário de credenciamento, preencha as informações solicitadas e, no dia do evento, traga o comprovante de inscrição (impresso ou digital) e um documento de identificação com foto para retirar a credencial na entrada.