GPS Brasília comscore

Primeira edição do festival baiano ‘Sangue Novo’ chega a Brasília

Entre 24 e 26 de maio, o projeto destaca quatro talentos femininos da música baiana
Fotos: Cortesia

Compartilhe:

Consolidado no cenário musical baiano, depois de cinco edições realizadas em Salvador, o festival ‘Sangue Novo’ fica em Brasília entre os dias 24 e 26 de maio. Com foco na nova MPB, o projeto busca contemplar principalmente talentos femininos, negros e pessoas LGBTQIA+.

A abertura da sequência de shows fica por conta de Larissa Luz, na sexta-feira (24), a partir das 20h. Ex-vocalista da banda Ara Ketu, sua música combina ritmos tradicionais negros brasileiros com uma abordagem moderna, abordando pautas antirracistas e do feminismo negro. 

No sábado (25), também às 20h, é Majur quem desponta no palco. A cantora e compositora que iniciou a carreira cantando nos bares da Barra, na capital baiana, ganhou visibilidade nacional a partir da parceria com Emicida e Pabllo Vittar na música “AmarElo”, em 2019. 

No domingo (26), dois shows fecham a programação do Festival Sangue Novo em Brasília. Às 17h, apresenta-se a revelação do Prêmio Multishow 2022 e Prêmio APCA 2023, Rachel Reis. 

Por fim, às 19h, a cantora e compositora Xênia França encanta o público trazendo toda a mistura de jazz e samba que são sua marca registrada desde o grupo Aláfia, que integrou de 2011 a 2017, quando lançou seu projeto solo, ‘Xenia’.

 

Serviço

Primeira edição do festival ‘Sangue Novo’ 

Quando: Dias 24 e 25 de maio, às 20h, e 26 de maio, às 17h e 19h

Onde: CAIXA Cultural Brasília (SBS Quadra 4 Lotes 3/4 – Asa Sul)

Classificação indicativa: 16 Anos

Ingressos: R$ 30 (inteira) R$ 15 (meia) disponíveis em bilheteriacultural.com ou na bilheteria física da CAIXA Cultural Brasília