GPS Brasília comscore

Ministra Sônia Guajajara recebe alta

Titular da pasta dos Povos Indígenas estava no InCor da Faculdade de Medicina da USP. Ela ficará afastada do trabalho
Ministra Sonia Guajajara teve alta hospitalar, mas ficará afastada do trabalho
Ministra Sonia Guajajara teve alta hospitalar, mas ficará afastada do trabalho. Foto: Estevam Rafael/Audiovisual/PR

Compartilhe:

A ministra dos Povos Indígenas, Sônia Guajajara, recebeu alta hospitalar, nesta terça-feira (30), do Instituto do Coração do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP (InCor), em São Paulo. De acordo com boletim médico, contudo, a ministra deverá ficar afastada do trabalho nos próximos dias.

“O quadro clínico evoluiu bem e os resultados dos exames de rotina mostram estado de saúde bom e estável. A paciente dará continuidade ao tratamento ambulatorial, devendo ficar afastada das atividades laborais nos próximos dias”, diz o boletim médico. A alta foi assinada pelos cardiologistas Sergio Timerman e Iascara Wozniak de Campos.

A ministra passou mal na tarde de quinta-feira (25), com quadro de alteração da pressão arterial. Guajajara foi atendida em Brasília, mas seguiu para São Paulo para realização de exames e avaliação cardiológica. Ela estava internada desde sexta-feira (26).

No sábado (27), o presidente Luiz Inácio Lula da Silva se manifestou nas redes sociais informando ter telefonado para saber do estado de saúde da ministra. “Ela está sendo bem amparada pela equipe de saúde. Desejo melhoras e que volte 100% para seguirmos um trabalho por mais direitos aos povos indígenas brasileiros”, escreveu o presidente.