GPS Brasília comscore

Marido de Ana Hickmann dá entrevista, após episódio de agressão

Alexandre Correa é acusado de violentar a apresentadora da Record
Alexandre Correa e Ana Hickmann
Alexandre Correa e Ana Hickmann | Reprodução/Instagram

Compartilhe:

Por Redação E+

O empresário Alexandre Correa, marido de Ana Hickmann, deu sua primeira entrevista após assumir que agrediu a apresentadora no último sábado, dia 11, durante uma discussão na casa do casal no interior de São Paulo. Correa foi entrevistado pelo programa Fofocalizando, do SBT, na porta de uma academia na capital paulista.

Ao ser questionado pelo repórter se estava arrependido do ato, Correa disse: “Lógico. Pelo amor de Deus. Estou dilacerado”. Ana registrou um boletim de ocorrência contra o marido Delegacia Geral de Itu, no interior de São Paulo por violência doméstica e lesão corporal. A apresentadora também se pronunciou nesta quarta-feira, 15.

Perguntado se teria medo de sair às ruas, o empresário respondeu “Medo? Quando você tem um câncer, e quase morre, você perde o sentimento do medo. Medo eu não tenho de nada da vida, nem da morte. O que eu tenho é tristeza das abordagens que a gente sofre”, disse Correa. O empresário enfrentou um câncer no pescoço em 2020.

Correa ainda criticou a cobertura que a imprensa tem feito sobre o caso.

“É muita maldade junta, muita vontade de destruir o próximo. Mas a gente fica impotente porque somos uma formiga perto da imprensa, né? Ainda mais eu…Se fosse a Ana, tudo bem”, disse.

Correa também falou sobre as notícias de que ele teria acumulado dívidas ao longo dos anos. Ele e Ana são sócios de uma empresa que licencia produtos de beleza, esmaltes, jeans, entre outros produtos, além de gerenciar a carreira da apresentadora. “Isso é completamente fantasioso.”

Antes da entrevista, Correa havia feito um post nas redes sociais dizendo que tudo o que quer é ver o filho, Alexandre, de 9 anos. De acordo com o boletim de ocorrência, a discussão teria começado na frente do menino.

O empresário postou uma imagem de Oxóssi (uma divindade das religiões africanas, também conhecida como orixá) e escreveu: “Oxóssi, caçador de uma flecha só. Filho de Oxalá e Yemanjá! Tira a tristeza do meu peito, dá coragem para eu seguir meu caminho em paz e poder ver meu filho!”.

Ana Hickmann reaparece nas redes: ‘Vou lutar pelo meu filho, pela minha vida, pelos meus negócios’

Ana Hickmann reapareceu nas redes sociais, nesta quarta-feira, 15, para agradecer o apoio que tem recebido após denunciar o marido, Alexandre Correa, por violência doméstica e lesão corporal. A apresentadora afirmou, em vídeos postados nos stories do Instagram, que pretende retomar sua vida, lutar pelo filho, Alexandre Jr., de nove anos, e pelos seus negócios.

“Passando aqui pra dizer que agora, pela primeira vez, eu estou olhando um pouco mais as redes sociais, porque eu me afastei, não conseguia olhar notícias, nada”, começou Ana. “Tinha muita verdade, mas também muitas inverdades, muita coisa que estava machucando”, prosseguiu.

“E agora que eu estou voltando aqui, devagarinho, queria aproveitar esse espaço e agradecer mais uma vez o apoio de vocês É muito importante contar com o apoio de todo mundo para a gente continuar tendo coragem, para a gente continuar enfrentando o que vai ter que enfrentar.”

A apresentadora esclareceu, ainda, que não pretende deixar de ser uma pessoa feliz e batalhadora. “Eu sempre fui uma pessoa feliz, batalhadora, guerreira, e não é agora que eu vou parar”, destacou.

Ana Hickmann refletiu sobre as coisas que acontecem na nossa vida e que nos fazem ficar mais fortes. “Eu sou mulher, eu sou mãe e tenho muito orgulho. Vou lutar pelo meu filho, pela minha vida, pelos meus negócios e por todos aqueles que estão do meu lado e me amam de verdade”, finalizou.

Entenda o caso

Em boletim de ocorrência registrado por Ana Hickmann no último sábado, 11, ela denuncia o marido por violência doméstica e lesão corporal. Em nota divulgada no domingo, 12, ela afirmou ter tido um “desentendimento” com o parceiro. Em outra nota, Correa havia negado a agressão (clique aqui para ler a íntegra)

À Polícia Civil, a apresentadora contou que Alexandre teria fechado a porta da cozinha contra braço dela e ameaçado dar-lhe uma cabeçada. Após ser atendida no Hospital São Camilo e constatada uma contusão no cotovelo esquerdo, a apresentadora precisou usar uma tipoia.

O caso é investigado pela Delegacia de Itu, onde o casal mora.

Gestos na TV e nas redes sociais

Na segunda-feira, Ana Hickmann apresentou normalmente o programa Hoje em Dia, na Record. E tocou no assunto apenas para agradecer o apoio que vem recebendo. “Ainda não estou pronta para falar a respeito e, assim que eu estiver pronta, um pouco mais forte, eu prometo falar tudo que estiver aqui dentro do meu coração, de verdade, como eu sempre fui com todos”, afirmou, dizendo também que este é um momento difícil para ela, o filho e a família.

Também na manhã de segunda, a apresentadora fez uma homenagem ao filho Alezinho, de 9 anos. “Minha força, minha motivação, o amor da minha vida”, disse Ana sobre o garoto.

Alexandre Correa confessa agressão, mas nega cabeçada, diz site

O marido de Ana Hickmann, Alexandre Correa, confessou as informações registradas pela ex-modelo e apresentadora em boletim de ocorrência no último sábado, 11. Entretanto, negou que tenha dado “cabeçada” na mulher, acusação feita por ela à polícia. As declarações de Alexandre foram feitas ao Splash, site que cobre celebridades no UOL, na segunda-feira, 13.

Ele também admitiu ter mentido ao colunista Leo Dias ao ter sido procurado no sábado e negado a briga com Ana Hickmann.

“Quando eu vi aquela nota, eu entrei em total desespero e neguei Mentiu? Menti. Ponto. Ou eu omiti o fato? Omiti. Eu estava numa estrada, desesperado, desnorteado. Estava perdido. Falei: ‘meu Deus do céu. Que coisa?’ Desculpa o vocabulário: ‘que cagad* que aconteceu. Por que eu não discuti, por que eu não me levantei da mesa, por que eu não fui para o canto, não fui tomar uma água? Por que eu não fui bater a cabeça na parede. Sei lá. Mas já foi”, afirmou Alexandre.

Ao site ele também diz que o que houve foi uma “desinteligência entre casais” e entrou em pânico com a exposição do escândalo e possibilidade de ser preso. “A única coisa que não procede é a situação de cabeçada. Isso não existe”, afirmou. E disse ainda não haver histórico de agressões contra a apresentadora.

O Estadão tentou contato com Ana Hickmann, mas não teve retorno até a publicação deste texto. O espaço segue aberto.