GPS Brasília comscore

Geraldo Alckmin anuncia o programa “Nova Indústria Brasil” com investimento de R$300 bilhões

Alckmin destacou as metas e ações já implementadas no país para promover a expansão industrial
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Compartilhe:

Nesta segunda-feira (22), o vice-presidente da República e ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio, Geraldo Alckmin, inaugurou a apresentação da nova política industrial do Brasil no Palácio do Planalto. Durante o evento, Alckmin destacou as metas e ações já implementadas no país para promover a expansão industrial, afirmando que o Brasil tem o compromisso em desenvolver uma indústria voltada para a “descarbonização, exportação e competitividade”.

O programa “Nova Indústria Brasil” receberá um investimento de aproximadamente R$ 300 bilhões, parte do qual será providenciada pelo Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

“Um estudo mostra que o Brasil deixou o 78º lugar na indústria do mundo (ranking industrial). E subimos 20 posições. E terminamos ano passado em 58º lugar, em volume físico de produto industrial”, disse Alckmin. “Claro que ainda não está bom”, completou.

No evento, Alckmin delineou diversas ações previstas no plano, incluindo um programa de estímulo para empresas enfrentando a depreciação acelerada de seus equipamentos. Para promover a renovação do parque industrial, a indústria contará com redução de impostos ao substituir máquinas em um período mais curto.

Em média, Alckmin destacou que uma unidade industrial tem uma vida útil de 15 anos, mas o novo plano propõe reduzir esse período de substituição para dois anos, visando melhorar a eficiência energética e aumentar a produtividade.