GPS Brasília comscore

Castração gratuita de pets no Paranoá abre inscrições nesta sexta (19)

Castra-DF oferece mil vagas para cães e gatos; o serviço é aberto a todos os moradores do DF
É pai ou mãe de pet? Participe da pesquisa populacional sobre cães e gatos do DF
Quase metade da população do DF é tutora de um animal doméstico /Foto: Paulo H. Carvalho/Agência Brasília

Compartilhe:

As inscrições para o Castra-DF começam nesta sexta-feira (19). Essa é a segunda edição do projeto de castração itinerante e ocorrerá no Paranoá. Serão oferecidas mil vagas para cães e gatos, sendo metade para cada espécie. Para participar, é preciso residir no Distrito Federal, ter 18 anos ou mais e realizar o cadastro na sexta ou no sábado (20), das 8h às 14h ou até as vagas acabarem. Poderão ser cadastrados dois animais por CPF.

Cirurgias de castração estão marcadas entre os dias 23 e 29, nas carretas do projeto | Foto: Lúcio Bernardo Jr./Agência Brasília

As carretas estarão estacionadas no ginásio ao lado da administração regional do Paranoá. As senhas serão entregues por ordem de chegada. O tutor deve apresentar documento oficial com foto e não precisa levar o pet até o local. O cadastro não garante a participação no projeto. As inscrições serão analisadas e o resultado deve ser publicado até o dia 22 no site da Secretaria do Meio Ambiente da Proteção Ambiental (Sema-DF).

 

As cirurgias devem ocorrer entre os dias 23 e 29, nas carretas do projeto. Antes do procedimento, os animais selecionados passarão por exames pré-operatórios como hemograma e eletrocardiograma. As testagens são gratuitas e identificarão se o cão ou gato está em condições aptas para a castração.

O Castra-DF foi lançado em novembro de 2023 e já passou por Planaltina, onde atendeu mais de 600 animais. A subsecretária de Proteção Animal Substituta da Sema-DF, Geisa Maria Cabral Gomes, afirma que o objetivo é percorrer todas as regiões administrativas para cuidar da saúde dos animais e fazer o manejo populacional. “A castração adiciona qualidade de vida para os animais auxiliando na diminuição de neoplasias, na restrição do comportamento reprodutivo indesejável, além de propiciar a redução de doenças infectocontagiosas nos animais”, salienta.

O projeto também promoverá capacitações profissionais voltados à área pet, com cursos de administração e gestão pet, cuidador e passeador, banho e tosa, hospedagem de pets e confeitaria para pets. Para participar, basta se cadastrar no site e se inscrever no curso de interesse.