GPS Brasília comscore

Botafogo: enfim, de volta a Libertadores

Alvinegro elimina Red Bull Bragantino e garante vaga na fase de grupos da competição
Júnior Santos fez 8 gols em 4 jogos nos jogos que antecedem a fase de grupos da Libertadores | Foto: Divulgação/ Botafogo
Júnior Santos fez 8 gols em 4 jogos nos jogos que antecedem a fase de grupos da Libertadores | Foto: Divulgação/ Botafogo

Compartilhe:

Com um gol do artilheiro Júnior Santos, o Botafogo eliminou o Red Bull Bragantino, nesta quarta-feira, em Bragança Paulista, após empate por 1 a 1, e garantiu vaga na fase de grupos da Copa Libertadores, pois havia vencido o primeiro jogo no Rio por 2 a 1. Vale lembrar que a equipe botafoguense atuou com dez jogadores desde os cinco minutos do segundo tempo. Botafogo não partcipava da fase de grupos da competição sulamericana desde 2017.

O jogo começou como se esperava. Precisando reverter a desvantagem do primeiro jogo, o Red Bull Bragantino se impôs no campo de ataque e logo aos três minutos criou uma boa oportunidade. Em bela escapada pela esquerda, Juninho Capixaba cruzou alto e Eduardo Sasha não conseguiu concluir a jogada. Apesar de ficar mais tempo com a bola e permanecer no campo de ataque, o Red Bull Bragantino pouco produziu de perigo contra e meta de Gatito Fernández. O time anfitrião errou passes e lançamentos, facilitando a marcação carioca.

O destaque no primeiro tempo do Red Bull Bragantino foi o canhoto Helinho, sempre pela direita, com grande poder de drible Faltou o último passe para a conclusão do lance. Aos 37, o atacante resolveu arriscar de fora da área e quase acertou o ângulo superior esquerdo.

O Botafogo não teve forças para manter a bola no campo ofensivo. Junior Santos até tentou algumas jogadas pela direita, mas o Red Bull Bragantino após os dois gols sofridos no primeiro jogo, armou um esquema com dois homens em cima do artilheiro botafoguense. Aos 37 minutos, Tiquinho Soares arriscou quase do meio de campo e por pouco não encobriu o goleiro Cleiton.

O Botafogo voltou para o segundo tempo com a intenção de incomodar mais o Bragantino, mas se desguarneceu em um contra-ataque e Damian Suárez acabou expulso, ao derrubar Juninho Capixaba, que corria em direção ao gol. Na cobrança da falta, Helinho forçou Gatito a fazer bela defesa.

Com um jogador a mais o Bragantino ‘alugou’ o campo do Botafogo, que passou a tentar os contra-ataques pelos lados do campo. Aos 19 minutos, Borbas ficou livre dentro da grande área, mas chutou por cima. Com Helinho, agora pela esquerda, o Bragantino foi somando oportunidades de gol. Gatito defendeu finalização de Sasha. O erro do tie do interior paulista foi abusar das bolas alçadas na área, o que facilitou o trabalho da defesa bem postada do Botafogo.

Aos 31 minutos, saiu o gol do Botafogo. Após um chutão para a ponta esquerda, Hugo ganhou de Liças Cunha e cruzou Júnior Santos fazer o oitavo gol dele na Libertadores. No lance, o jogador do Bragantino pareceu ter sofrido falta, mas o árbitro e o VAR não viram infração e validaram o gol.

O time de Bragança não se entregou e conseguiu o empate com Talisson, após belo giro e forte chute de dentro da área, aos 40 minutos. Os momentos finais foram de desespero do Bragantino, que viu o goleiro Cleison se transformar em um atacante nos lances de bola parada. Aos 49 minutos, Gatito evitou o gol de Helinho e o alvinegro carimbou sua vaga na fase de grupo da principal competição do continente.

 

FICHA TÉCNICA

RED BULL BRAGANTINO 1 X 1 BOTAFOGO

RED BULL BRAGANTINO – Cleiton; Nathan Mendes, Lucas Cunha, Luan Cândido e Juninho Capixaba; Jadsom Silva (Matheus Fernandes), Eric Ramires (Laquintana) e Lincoln (Guilherme Lopes); Helinho, Eduardo Sasha (Talisson) e Thiago Borbas. Técnico: Pedro Caixinha.

BOTAFOGO – Gatito Fernández; Damián Suárez, Lucas Halter, Alexander Barboza e Marçal; Danilo Barbosa (Gregore), Marlon Freitas e Eduardo (Mateo Ponte); Júnior Santos (Tchê Tchê), Tiquinho Soares (Janderson) e Savarino (Hugo). Técnico: Fábio Matias.

GOLS – Júnior Santos aos 31 e Talisson aos 40 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS – Danilo Barbosa, Gatito Fernández, Marçal, Tiquinho Soares e Juninho Capixaba

ÁRBITRO – Wilmar Roldán (COL).

RENDA E PÚBLICO – não disponíveis.

LOCAL – Estádio Nabi Abi Chedid. Em Bragança Paulista (SP).

Últimas

Política