GPS |

Voar ou não voar, eis a questão...

POR GPS | PODER   
|   19/12/2017 02:28 ( atualizada 19/12/2017 02:28)   

O Ministerio Público Federal iniciou investigações apontando excessos no número (780) de viagens oficiais de Ministros de Estado do Governo Federal no período de um ano, gerando gastos de mais de R$ 30 milhões.

A PGR irá recomendar que o Planalto altere o Decreto Presidencial para regulamentar, de forma mais rígida e mais clara, o uso de aviões da FAB a serviço das autoridades políticas.

Matéria do jornal Folha de S. Paulo desta semana aponta supostos "abusos das autoridades que dão carona a familiares, amigos e lobistas não raro a lugares turísticos e para eventos festivos."

Há que se ter equilíbrio e bom senso para saber que algumas coisas, ainda que não sejam proibidas, não seriam permitidas. Ao mesmo tempo, os agentes públicos têm que lembrar que certas coisas, ainda que não sejam ilegais, não deixam de ser imorais. 

Em se tratando de Brasil regras e regulamento ainda são muito necessários para a correta cidadania, infelizmente.


Todos os direitos reservados - 2014
Política de Privacidade
Termos e Condições
Anúncie Conosco:
SHIS QI 05, Bloco F, sala 122, Centro Comercial Gilberto Salomão
CEP 71615-560 - Brasília - DF - Brasil
Telefone: +55 (61) 3364-4512 | Email: info@gpsbrasilia.com.br
{slideshow_baner}