GPS | ARTIGOS

Fala, personal!

Pedro Guimarães articula sobre protocolo Tabata: é possível queimar gordura por 48 horas?

Se você curte corrida, bike ou até mesmo praticar exercício física com objetivo de emagrecer deve ter ouvido falar no PROTOCOLO TABATA. Documentado pelo médico Izumi Tabata no ano de 1996, esse protocolo é um dos modelos de HIIT mais reproduzidos da história. Mas será que ele é efetivo para emagrecimento? É possível queimar gordura por 48 horas fazendo apenas 4 minutos de exercício? Vamos entender!

 

COMO ERA O MODELO DO ESTUDO?

  • Consistia em avaliar 7 patinadores de gelo em 2 modelos de exercícios diferentes em uma bike.;
  • Modelo 1 era composto por 60 minutos com uma intensidade moderada (70% da capacidade máxima);
  • Modelo 2 tinha 7-8 tiros de 20 segundos e intensidade alta (170% da capacidade máxima) com intervalos de 10 segundos.

 

OBJETIVO DO ESTUDO?

  • O pesquisador queria observar como seria a resposta as capacidades cardíacas e capacidades de produzir velocidade. Qual seria o método mais eficiente para melhorar o rendimento dos atletas?

 

RESULTADOS?

  • O protocolo de 60 minutos ajudou na capacidade aeróbia mas não mudou a capacidade de gerar velocidade;
  • Já o protocolo de 4 minutos melhorou tanto a capacidade aeróbia quanto a capacidade anaeróbia.

 

Vocês notaram que em momento nenhum o pesquisador falou de queima calórica ou emagrecimento? Esse é o primeiro ponto que gostaria de chamar atenção! Não foi avaliado nenhuma variável de redução de gordura ou gasto de calorias. Será que podemos dizer que o TABATA é bom para perder peso?

 

Outro ponto é sobre os participantes. Sete patinadores muito bem treinados! Será que podemos afirmar que pessoas destreinadas vão conseguir concluir esse protocolo? Eu posso dizer que é bem difícil acompanhar a intensidade até o final do treino como o pesquisador documentou.

 

O que quero explicar é sobre a análise crítica dos estudos científicos. Inúmeros trabalhos são publicados todos os dias e é preciso tomar muito cuidado com a reprodução dos treinos. No caso TABATA o que podemos afirmar é que esse modelo de protocolo (realizado na bike) nas intensidades descritas e realizadas por patinadores de gelo melhora a capacidade aeróbia e anaeróbia... e nada mais! Ou seja, se eu quiser reproduzir na esteira, com pessoas destreinadas e sem controle de intensidade, os resultados podem não ser os mesmos. Sempre que surgir novidades é importante correr atrás da fonte para não trocar gato por lebre!

 

**Pedro Guimarães é graduado em Educação Física pelo UniCEUB, pós-graduado pela UniFOA em Fisiologia de Exercício e Personal Trainer, atualmente trabalha como consultor em Atividade Física pela Clínica Metafísicos, além de atuar como Personal Trainer em academias da cidade. (CREF: 8553 G/DF)


Todos os direitos reservados - 2014
Política de Privacidade
Termos e Condições
Anúncie Conosco:
SHIS QI 05, Bloco F, sala 122, Centro Comercial Gilberto Salomão
CEP 71615-560 - Brasília - DF - Brasil
Telefone: +55 (61) 3364-4512 | Email: info@gpsbrasilia.com.br
{slideshow_baner}