GPS | COTIDIANO

Festa em Copacabana

COLABORADOR Agência Brasil   
|   28/12/2016 17:44   
Saiba como será o Réveillon em Copacabana com público estimado em 2 milhões de pessoas

Órgãos envolvidos na operação do Réveillon de Copacabana como a prefeitura, o Corpo de Bombeiros e a Polícia Civil divulgaram hoje (27) o planejamento para a festa, que deve reunir 2 milhões de pessoas. A expectativa é que haja 865 mil turistas na cidade, e que a economia receba uma injeção de USD 690 milhões.
 

O secretário de Turismo do Rio de Janeiro, Antonio Pedro Figueira de Melo, destacou que 2016 foi um ano bom para a hotelaria carioca já que, além dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos, a cidade foi beneficiada pela alta do dólar. "O dólar forte ajuda o turista internacional a vir", disse ele, que complementou: "O turista brasileiro acaba ficando no Brasil e vindo para a cidade do Rio de Janeiro".
 

A taxa de ocupação média dos hotéis na cidade é de 78%, número que a secretaria considera positivo, já que houve aumento na quantidade de quartos disponíveis. Nos bairros Leme e Copacabana, a taxa sobe para 86%.
 

Bloqueios
 

O deslocamento por transporte público continua a ser uma das principais recomendações para a festa de Ano-Novo, já que as ruas de Copacabana serão totalmente bloqueadas para veículos particulares a partir das 19h, o que inclui ônibus fretados, veículos de turismo e motoristas que prestam serviço por aplicativos como o Uber. O bloqueio começará uma hora mais tarde neste ano e terminará apenas às 5h do dia 1º.
 

Mesmo os ônibus e táxis credenciados não poderão circular em Copacabana depois das 22h, quando a expectativa é que grande parte do público já esteja nas ruas. O momento considerado mais crítico no deslocamento são os minutos posteriores à queima de fogos, até a 1h. A prefeitura pede que as pessoas evitem sair de uma só vez e deixem o bairro com tranquilidade.
 

Além das quatro estações de metrô nos arredores, o público poderá se dirigir aos dois terminais de ônibus preparados para o dia do réveillon. Na Enseada de Botafogo, vão parar os ônibus para o centro e zona norte. Nas avenidas Prudente de Morais e Vieira Souto, em Ipanema, vão ficar os pontos para quem segue com destino à zona oeste. Neste ano, também será possível usar a Linha 4 do metrô para ir à Barra da Tijuca e de lá embarcar nos BRTs. Os bilhetes de metrô, no entanto, só poderão ser compradas antecipadamente e não estarão disponível no dia da festa.
 

O estacionamento em Copacabana também será proibido, a partir do dia 30 de dezembro. Trinta reboques vão trabalhar no recolhimento dos carros que estiverem em local proibido. Quem tiver o carro rebocado terá que pagar uma taxa emitida no site da Secretaria Municipal de Transporte Urbano e buscar o veículo em um depósito em São Cristóvão, na zona norte.

Festas
 

Neste ano, o Réveillon de Copacabana terá apenas um palco, na altura do Copacabana Palace, e a principal atração será um show do Grande Encontro, reunindo Elba Ramalho, Alceu Valença e Geraldo Azevedo. As atrações começam às 18h30 e devem se estender até depois das 3h. O show principal está marcado para as 21h45. Outras queimas de fogos foram organizadas fora de Copacabana, em áreas de lazer e outras praias. As festas terão palcos e apresentações ao vivo e poderão ser acompanhadas em Sepetiba, Ilha do Governador, Barra Tijuca, Flamengo, Ramos, Madureira, Penha, Guaratiba e Paquetá.


Todos os direitos reservados - 2014
Política de Privacidade
Termos e Condições
Anúncie Conosco:
SHIS QI 05, Bloco F, sala 122, Centro Comercial Gilberto Salomão
CEP 71615-560 - Brasília - DF - Brasil
Telefone: +55 (61) 3364-4512 | Email: info@gpsbrasilia.com.br
{slideshow_baner}