GPS | ESPORTE

Vai de adrenalina

COLABORADOR Pedro Lira   
|   13/09/2016 18:15 ( atualizada 13/09/2016 18:15)   
FOTO Fernando Veler / Marcelo Machado   
Elsinho Cascão e Elson Menezes completam Rally dos Sertões em 7º lugar e contam detalhes ao GPS|Brasília

Elsinho Cascão e Elson Menezes acabam de voltar de uma das competições mais radicais do Brasil: a Rally dos Sertões. A 24ª edição do evento esportivo  foi um verdadeiro teste de sobrevivência. Com largada em Goiânia, 53 carros, 48 motos, 14 quadris e 32 UTV´s formaram um total de 147 competidores. Uma semana depois, apenas 74 completaram a prova em Palmas (TO): 20 carros, 26 motos, 9 quadris e 19 UTV´s. Os brasilienses terminaram a competição em sétimo lugar. O GPS|Brasília bateu um papo com a dupla que representa a Capital Federal e mostra os detalhes da prova. Confira:


Elsinho Cascão explica que a prova não é só de velocidade, mas também resistência. “A prova durou oito dias. O carro e o piloto precisam resistir e viajar rápido, pois a prova é sobre quem faz o percurso no menor período de tempo”.

 


A equipe


Durante a competição, as duplas corredoras contam com uma grande equipe. Além dos pilotos, outras dez pessoas fecham o time. São quatro motoristas, quatro mecânicos, uma cozinheira e um apoio. A estrutura conta com um motorhome, um caminhão oficina e uma caminhonete de apoio rápido. No caminhão segue um carro UTV reserva para repor peças que eventualmente sejam danificadas no veículo oficial durante a prova.


Trajeto


Nesta difícil edição, que contou com número recorde de 31 UTV´s inscritos, os  atletas cruzaram três estados brasileiros. Goiás, Bahia e Tocantins, rodando cerca de 4 mil quilômetros, sendo 2.900 quilômetros de prova. A Rally dos Sertões é a principal competição off road do País e a segunda maior do mundo, perdendo apenas para o Dakar.


Dificuldades


Para se ter uma ideia, apenas 50% dos competidores cruzaram a linha de chegada. Na etapa entre Cavalcanti (GO) e Posse (GO), no dia 6, os competidores rodaram 643 km e apenas 22 dos 32 UTV´s conseguiram completar a prova dentro do tempo máximo estabelecido. As dificuldades atingiram até os mais veteranos e aconteceu de tudo: batida entre carros, quebras, rodas se soltando, uma moto que atropelou um cavalo a 120 km/h, vários abandonos e até picadas de abelhas.

 


Mas tudo isso faz parte. O que Elsinho e Elson mais sentem falta durante esse período é do conforto no fim do dia. “Depois de muito quilômetros rodados, tudo o que se quer é um bom banho e uma longa noite de sono, mas não temos nada disso durante a prova”, explica Elsinho.


Brasília


Esta é a 14° vez que a dupla Kandangus compete na Rally dos Sertões. “Representar Brasília é um orgulho enorme para gente. Subindo no pódio ou não, fazer parte disso é um prazer imenso”, conta Elsinho. Quando questionados sobre qual a parte que menos gostam na competição, os dois concordam: "a hora de voltar para casa".


Todos os direitos reservados - 2014
Política de Privacidade
Termos e Condições
Anúncie Conosco:
SHIS QI 05, Bloco F, sala 122, Centro Comercial Gilberto Salomão
CEP 71615-560 - Brasília - DF - Brasil
Telefone: +55 (61) 3364-4512 | Email: info@gpsbrasilia.com.br
{slideshow_baner}