GPS | ESPORTE

Voo brasiliense

COLABORADOR Redação   
|   30/08/2016 13:44 ( atualizada 30/08/2016 13:44)   
FOTO Reprodução   
Campeonato Pré-Mundial de Voo Livre promete movimentar céu brasiliense com pilotos de asa delta

Mais de 130 pilotos da modalidade asa delta de 23 países estão reunidos na cidade para disputarem o título do Campeonato Pré-Mundial de Voo Livre. O evento, considerado um teste para o Mundial, que ocorrerá em Brasília em agosto de 2017, promete um show no céu da cidade durante os dias 1, 2 e 3 de setembro.

 

De quinta a sábado, os competidores decolam da rampa do Vale do Paranã, em Formosa (GO), e pousam na Esplanada dos Ministérios, no período da tarde. O público poderá acompanhar a chegada das asas, que promete um espetáculo a parte.

 

Conhecida mundialmente como a "Havaí do Voo Livre", a capital combina uma série de fatores que garante aos pilotos condições ideais para voos de até 170 quilômetros de distância e cinco horas de duração, utilizando somente as forças da natureza, como as correntes térmicas, os ventos predominantes do quadrante leste e o clima bastante seco desta época do ano.

 

 

A principal representante feminina da competição, a alemã Corina Schwiegershausen, elogia as condições de voo da região e a natureza local. “Acho que em nenhum outro lugar do mundo, nós podemos descer na capital do país, no centro do poder, de asa delta. Incrível isso!”, elogia. “Aqui também, quando estou no ar, eu tenho uma interação fantástica com as aves. Me espelho muito nos caminhos que as elas fazem para encontrar as térmicas que conduzem sua asa para o alto”, conclui.

 

O Brasil estará bem representado na competição por Álvaro Sandolli. O piloto brasileiro coleciona seis títulos nacionais e é o terceiro melhor do mundo. "Estou no melhor momento da carreira e sei que posso lutar pelo título tanto do Pré-Mundial como do Mundial no ano que vem", assegurou. O desafio será superar o número 1 do mundo, o australiano Jon Durand, que também participa do evento.

 

Como funciona

 

A cada dia, dependendo das condições meteorológicas, os competidores são orientados a pousarem em um local determinado. O piloto que faz o percurso em menor tempo recebe, consequentemente, a maior pontuação. A soma das pontuações define os vencedores.

 


Todos os direitos reservados - 2014
Política de Privacidade
Termos e Condições
Anúncie Conosco:
SHIS QI 05, Bloco F, sala 122, Centro Comercial Gilberto Salomão
CEP 71615-560 - Brasília - DF - Brasil
Telefone: +55 (61) 3364-4512 | Email: info@gpsbrasilia.com.br